26 de janeiro de 2013

Brotas-SP: pra cansar o corpo e descansar a mente


É quase uma regra: quem vai à cidade de Brotas busca aventura. Mas o lugar tem outras coisas a oferecer, além do turismo esportivo. É uma cidade pequena, mas muito aconchegante e charmosa, com ruas estreitas, flores pelo caminho e muitas cachoeiras. Você atravessa a parte principal a pé em questão de minutos. Se não for final de semana, feriado ou mês de férias escolares, quase não se vê movimento nas ruas.

Parque dos Saltos

As cachoeiras e fazendas onde se pratica a maioria das atividades são afastadas, mas ali no meio da cidade o melhor lugar para se apreciar a paisagem é o Parque dos Saltos. É uma área bastante arborizada em volta do Rio Pepira, com trilhas e quedas d’água. Por causa das represas e da força da água, é proibido entrar no rio, mas caminhar por aquele trecho é muito gostoso.

Brotas Bar

À noite, é unânime: a pedida é o Brotas Bar. Em um dia cheio, o restaurante atende a até 700 pessoas. Os mais pedidos da casa são a caipirinha de banana com canela (gostosa e suave) e o bolinho de queijo coalho. Se pedir os dois juntos, melhor ainda. Também tem massas, pizzas e outras coisas. A decoração tem o clima da cidade: esportes radicais. As luminárias nas paredes e no teto são feitas de caiaques de verdade e capacetes de proteção. Os garçons também fazem parte da atração porque são muito simpáticos. Perguntaram se íamos fazer rafting e, quando dissemos que sim e com qual agência, um deles disse para o outro: “ah, é aquela do instrutor epilético! Não foi ele que levou aquela menina semana passada? Parece que já acharam o sapato dela na água.”. Espantam a freguesia, mas não perdem a piada... hehe

Cachaça, cerveja e souvenires

A Casa da Cachaça é uma loja que vende produtos da agroindústria local: cachaças artesanais, licores, pimentas, salames, queijos e doces. A variedade não tem fim: tem licor de chocolate branco (muito bom), chocolate com menta, jabuticaba, cachaça de pimenta, doce de abóbora com castanha e por aí vai. Tem até um museu da cachaça lá dentro.

Para quem sabe apreciar licor e pimenta, uma perdição.
Por falar em bebida, experimentamos a Brotas Beer, que também é produzida na cidade. O Alessandro, professor de Piracicaba que conhecemos durante o rafting, fez a gente provar cada um dos tipos de cerveja da Brotas Beer e ainda nos levou para conhecer a fábrica (que pertence a um ex-aluno dele) e entender um pouco do processo de produção da cerveja. Até tomamos uma saída direto da máquina!

Já enxergando meio estranho, depois de experimentar a terceira..
Pra quem não gosta de levar bebida como lembrança (como é o meu caso, que tenho medo de vazar tudo na mala), uma opção é entrar nas lojinhas de artesanato local. São muitas e vendem coisas muito legais e criativas. A loja Xique-Xique é a maior e provavelmente a mais famosa. Eu queria morar lá dentro!

Jovens, idosos ou crianças, todo mundo tem vez em Brotas porque os programas são bem variados. Mesmo as atividades radicais têm níveis diferentes de “emoção”. Você pode testar a coragem fazendo rapel numa cachoeira de 60 metros ou simplesmente deitar sobre uma boia e seguir o curso do rio. Recomendado pra quem busca sossego e natureza com uma pegada aventureira. Pretendo voltar porque ficamos só 2 dias dessa vez e perdemos muita coisa da cidade.

Parque dos Saltos


Hospedagem - Ficamos no Casarão Hotel, sem reserva mesmo. Fica localizado na R. Mário Pinotti, uma das duas principais ruas, onde fica a maior parte dos hotéis e pousadas. Tem uma construção ao estilo antigo, mas com tudo o que é preciso, por um preço bom, se comparado às capitais. Com ventilador o preço cai ainda mais, mas a gente que mora no Pará prefere se prevenir do calor com um bom ar-condicionado.

4 comentários:

  1. Belo artigo! Não curto esportes radicais, mas se eu um dia for a Brotas, provarei dos licores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale uma visita mesmo. Experimentei alguns licores e gostei bastante, e olha que não sou uma grande bebedora... Acabei trazendo só uma pimenta indiana, que dizem ser a 2ª mais forte do mundo.

      Excluir
  2. Muito legal JU! Já quero dá umas voltas por lá rsrsrs, souberam aproveitar bastante em tão pouco tempo.Tá muito lindo seu blog amiga...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Haninha! Eu sei que é você, amiga, apesar de não ter assinado... rs.
      Acabei de mudar o visual do blog! Gostou? ;)
      Você e o Doni têm que aproveitar mesmo aí em SP. Tem tanto lugar legal por aí! Depois me dá as dicas também.
      Beijos!

      Excluir